Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Português em movimento

O Blogue de Português do 2º ciclo da E. B. Lousada Centro

Português em movimento

O Blogue de Português do 2º ciclo da E. B. Lousada Centro

Poema em P

Poema em P

 

Pedro gosta da paz

Paulo gosta da paz

Patrícia gosta da paz

A paz trouxe-lhes amigos

A paz trouxe-lhes liberdade

A paz trouxe-lhes amor

Pedro, Paulo e Patrícia gritam:

As pessoas têm liberdade

Agora a alegria nota-se

Pedro, Paulo, Patríca

Querem mostrar às pessoas

Que a paz é um paraíso

Agora que sabem isso

Não vão fazer a guerra.

                       Bárbara Pereira – 6º H

 

Poema em P

 

Paulo gosta da paz

Pedro gosta da paz

Patrícia gosta da paz

A paz deu-lhes a liberdade

A paz salvou o mundo

A paz parou a guerra

Paulo, Pedro, Patrícia riem

Os soldados já não lutam mais

As ruas estão cheias de alegria

Paulo, Pedro, Patrícia

Querem alegria por todo o mundo

Sabem que ficam sempre a ganhar

As pessoas que querem a paz.

 

      Miguel Camões Seabra – 6º G

 

A amizade

 

 

Se tu fores meu amigo

Eu teu amigo serei

Sabes que podes contar comigo

E eu contigo contarei.

Se fores um amigo verdadeiro

Terás toda a minha confiança,

Espero que sejas um bom companheiro

E nisso vou ter esperança.

 

Para ser feliz

Basta-me ter a tua amizade

Também não te quero ver infeliz

Por isso, vamos cultivar a solidariedade .

 

Vou estar sempre a teu lado

Nos bons e maus momentos,

Nunca te vou deixar desamparado

Mesmo que apareçam alguns sofrimentos.

 

Dora Sofia Linhares Alves    Nº9 6ºF

Alegria

Alegria é o sorriso de um amigo

quente como um raio de sol,

divertido quando está comigo

num emocionante jogo de futebol.

 

A alegria vive dentro de nós,

no nosso coração

pela nossa voz

transborda essa emoção.

 

A alegria é amarela

como um dia de sol,

ao som de um rouxinol.

Uma perfeita aguarela.

 

 

Gonçalo Barata

6.ºF n.º12 

A borracha

Vou desenhar e escrever palavras sem fim

Apagar nao é problema para mim

De lápis na mão faço magia e ilusão

Pois tenho uma borracha sempre à mão

 

A primeira não sai não

Porque sou um pouco trapalhão

Mas com alguma concentração

Vou dar largas à imaginação

                                

                                                           Inês Sousa

                                                                                                                     Nº9

                                                                                                                                       5ºE

EU

Sou alta, magra e risonha.

Gosto muito de cantar.

Com os meus tecidos

Gosto de vestidos criar.

 

Os meus olhos são azuis,

Azuis da cor do mar

Cabelos louros ao vento

Sempre, sempre a bailar.

 

Pele branca como a neve

Rosto oval e sonhador

Gosto de olhar a natureza

E sentir o seu esplendor.

 

Nariz, nem muito nem pouco

E óculos, de quando em vez

Os pés acho-os grandes,

Mas foi Jesus que mos fez.

 

Olho-me ao espelho e vejo-me

Sempre alegre e sonhadora

Amiga e companheira

Quero ser sempre lutadora.

 

Maria, 5º E

A folha de papel quer mel

A folha de papel,

Sempre quis voar,

Para ir ao mel,

É tão fácil de aproveitar.

 

Dobragens aqui, dobragens ali,

E estava feito um avião de papel,

Mas quando o vi,

Lá estava ele a ir ao mel.

 

Quando chegou,

Não parava de saltar,

Mas quando parou,

Comeu noite e dia até fartar.

 

Mas de repente,

Tudo voltou ao normal,

A folha de papel desdobrou-se contente,

Pois passou a folha de jornal.

 

 

                                                          

                                                     Bruno Rocha nº4 5ºE

Eu sou…

Eu sou branca

E bem pequenina

Mas o que importa

É ser boa menina

                                                                            O meu cabelo é longo

                                                                            E gosto de o soltar

                                                                            Para ao vento

                                                                            Ele poder esvoaçar

Também sou cheia

Mas não me vou preocupar

Pois a verdadeira beleza

No interior deve estar

                                                                            Adoro vestidos

                                                                            E também o verão

                                                                            Pois faço anos

                                                                            Nessa estação

Eu adoro ver

Cães a brincar

Mas gosto mais ainda

De os acariciar

 

 

                                                                                                                             Elisabete/5ºE